sábado, 12 de novembro de 2011

εїз Mensagem da Semana εїз

"Há certas horas, em que não precisamos de um Amor...
Não precisamos da paixão desmedida...
Não queremos beijo na boca...
E nem corpos a se encontrar na maciez de uma cama...

Há certas horas, que só queremos a mão no ombro, o abraço apertado ou mesmo o estar ali, quietinho, ao lado...
Sem nada dizer...

Há certas horas, quando sentimos que estamos pra chorar, que desejamos uma presença amiga, a nos ouvir paciente, a brincar com a gente, a nos fazer sorrir...

Alguém que ria de nossas piadas sem graça...
Que ache nossas tristezas as maiores do mundo...
Que nos teça elogios sem fim...
E que apesar de todas essas mentiras úteis, nos seja de uma sinceridade
inquestionável...

Que nos mande calar a boca ou nos evite um gesto impensado...
Alguém que nos possa dizer:

Acho que você está errado, mas estou do seu lado...
Ou alguém que apenas diga:
Sou seu amor! E estou Aqui!"
 
William  Shakeaspeare

♥ Pessoas: Marilyn Monroe ♥

      Sou suspeita para falar de Marilyn Monroe, pois sou sua fã desde que me conheço por gente. Não somente sou sua fã por sua beleza, mas também (depois de conhecer mais a fundo) pela sua simplicidade, inocência e sofrimentos....
      Bom, seu nome verdadeiro era Norma Jean Mortenson. Ela nasceu no dia 01 de junho de 1926 da segunda união de Gladys Monroe (sua mãe) com Martin Edward Mortensen. Sua mãe, que já tinha dois filhos do seu primeiro casamento e os abandonou, deixando com o primeiro marido, fez a mesma coisa com o segundo marido e com Norma Jean.
      Com apenas duas semanas de vida, Norma Jean foi entregue a uma família adotiva, porque sua mãe não tinha condições de criá-la, alegando não ter ninguém para tomar conta de sua filha, não possuir dinheiro, não poder deixar o emprego e se achava imprópria para ser mãe. Norma Jean abandonada pela primeira vez.
      Norma Jean viveu até os 7 anos com a família Bolenders,com uma educação bastante rigorosa. Mas, sua mãe tornou a pegá-la, comprou uma casa e alugou um quarto a um casal de atores para ajudar na renda. A vida da pequena Norma Jean tomou outro rumo. Criada sob uma conduta rigorosa, passou a observar a mãe e o casal de atores levarem uma vida boêmia.
      Após receber a notícia da morte de seu pai, Gladys entrou em profunda depressão e foi internada. Norma Jean ficou sob os cuidados do casal de atores e da melhor amiga de Gladys, Grace.A casa que sua mãe tinha comprado foi posta à venda. Norma Jean foi abandonada pela segunda vez.
      Novamente foi entregue a uma nova família adotiva e foi abandonada pela terceira vez por essa família, entrando para o orfanato de Los Angeles, onde viveu até os 11 anos de idade. Grace (amiga de sua mãe) conseguiu a guarda de Norma Jean em junho de 1937 e a levou para viver com ela e sua família.
      Em 1942, o marido de Grace recebeu uma transferência para West Virgínia e toda família foi com ele, exceto Norma Jean, pois eles alegaram que não tinham condições para a manter.Abandonada novamente pela quarta vez.
      Antes de partir, Grace arranjou que Norma Jean se casasse com o filho da vizinha, Jim Dougherty. Ela acabou se casando, pois gostava de Jim e não queria voltar para o orfanato.
      Em 1944, Jim foi enviado para o Pacífico e Norma Jean se viu abandonada pela quinta vez. Foi morar com a sogra. Esta arranjou-lhe um emprego como inspetora de para-quedas na Radioplane Company. Um dia, David Conover, fotógrafo que estava a procurar raparigas que contribuíssem para o esforço de guerra, disse para ela que seu lugar era nas capas de revista. 
      Norma Jean pediu demissão e divórcio e candidatou-se a um lugar na agência de modelos "Blue Book". Depois disso ela não olhou para trás. Clareou seu cabelo e começou uma nova vida.
      No final de 1945, ela já tinha aparecido em várias capas de revista, mas queria mesmo ser atriz. Norma Jean conseguiu um teste na Fox em 1946 e foi contratada. Ben Lyon sugeriu-lhe que devia mudar para um nome que soasse melhor: surgiu assim Marilyn Monroe.  
       Somente em 1947 a Fox renovou-lhe o contrato e deu um pequeno papel para ela em seu primeiro filme "Scudda-hoo!Scudda-hay". Mas, em agosto a Fox não renovou seu contrato. Marilyn não desistiu: frequentava aulas de atuação.
      Sua sorte mudou quando voltou para os estudios da Columbia, pintou o cabelo mais louro e começou a receber aulas de quem seria sua ensaiadora nos próximos anos: Natasha Lytess.
      Em 1948 aceitou representar um dos papéis principais em "Ladies of the Chorus", depois ficou sem dinheiro novamente. Aceitou posar nua para a Playboy para pagar suas despesas.
      Marilyn fez alguns filmes, mas era ignorada como comediante. O diretor da Columbia dizia que quando olhavam para ela, não viam mais ninguém.
      Nos meses seguintes, Marilyn aparece numa série de filmes de fraca qualidade, onde surge como "loira ingênua" (coisa que ela detestava) e onde dá às suas personagens mais do que aquilo que elas valem.
      Marilyn Monroe conhece Joe DiMaggio no início de 1952 e casou-se com ele em 1954, na Califórnia. Nove meses depois de seu casamento, sendo abandonada pela sexta vez.
      Entre isso, Marilyn queria ser atriz, e não somente a loira fatal do imaginário masculino. Por isso, montou sua própria produtora e, finalmente, ganhou o Globo de Ouro como melhor atriz em comédia no "Quanto mais quente, melhor".
      Em 1956, Marilyn se casa novamente com o dramaturgo Arthut Miller. Ele escreveu o filme "Os desajustados" especialmente para ela (filme esse que seria o último filme dela). Seu terceiro casamento terminou em 1961, pelo fato dela não conseguir ter filhos e não ser muito boa dona de casa; além dos boatos que surgiram dela ser amante de John Kennedy.E mais uma vez, pela sétima vez, abandonada. Mas, Marilyn era amante dele desde após o divórcio com DiMaggio.
      Marilyn sabia, apesar de suas ilusões, que Kennedy não a queria como a mulher que verdadeiramente era; mas apenas a desejava como a estrela cintilante de cinema. Ela também sabia que Kennedy pretendia livrar-se dela com elegância, pois esse relacionamento estava atrapalhando-o na política.
      Devido a todas as frustrações em sua vida, Marilyn passou a tomar muitos medicamentos para dormir e, vez ou outra, misturava-os com bebida alcoólica.
      Na manhã de 5 de agosto de 1962, aos 36 anos, Marilyn faleceu por overdose de barbitúricos (versão oficial) enquanto dormia em sua casa, na Califórnia.
      Sua morte tem muitas controvérsias até hoje. As gravações de seus telefonemas e outras evidências de sua morte foram desaparecidos; bem como o relatório da sua autópsia e toda a documentação do FBI sobre sua morte. Os amigos de Marilyn Monroe que tentaram investigar sua morte receberam ameaças.
      Há suspeitas de que Marilyn foi sufocada pela máfia por precaução, já que Marilyn era amante de Kennedy e a mesma poderia saber das ameaças de morte que Kennedy sofria pela máfia.
       O que me indigna é o fato dela ter morrido sem as pessoas a terem conhecido por sua verdadeira personalidade. Como ela mesmo dizia, "não sou somente um pedaço de carne". Tinha pavor à camêra e odiava maquiagem. Sua vontade era realmente ser lembrada por seu talento; talento esse que não lhe deram a  oportunidade de mostrar. Ela queria ser atriz, mãe e ter uma companhia que a aceitasse como ela era. Situações essas que também não conseguiu conceber.  

☆Carinhosamente☆
♥Fê♥  
 


     


  
   
 

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

♥Mensagem da semana♥

"Quero tudo novo de novo. Quero não sentir medo. Quero me entregar mais, me jogar mais, amar mais.
Viajar até cansar. Quero sair pelo mundo. Quero fins de semana de praia. Aproveitar os amigos e abraçá-los mais. Quero ver mais filmes e comer mais pipoca, ler mais. Sair mais. Quero um trabalho novo. Quero não me atrasar tanto, nem me preocupar tanto. Quero morar sozinha, quero ter momentos de paz. Quero dançar mais. Comer mais brigadeiro de panela, acordar mais cedo e economizar mais. Sorrir mais, chorar menos e ajudar mais. Pensar mais e pensar menos. Andar mais de bicicleta. Ir mais vezes ao parque. Quero ser feliz, quero sossego, quero outra tatuagem. Quero me olhar mais. Cortar mais os cabelos. Tomar mais sol e mais banho de chuva. Preciso me concentrar mais, delirar mais.
Não quero esperar mais, quero fazer mais, suar mais, cantar mais e mais. Quero conhecer mais pessoas. Quero olhar para frente e só o necessário para trás. Quero olhar nos olhos do que fez sofrer e sorrir e abraçar, sem mágoa. Quero pedir menos desculpas, sentir menos culpa. Quero mais chão, pouco vão e mais bolinhas de sabão. Quero aceitar menos, indagar mais, ousar mais. Experimentar mais. Quero menos “mas”. Quero não sentir tanta saudade. Quero mais e tudo o mais.
“E o resto que venha se vier, ou tiver que vir, ou não venha".
Fernando Pessoa

domingo, 30 de outubro de 2011

♥Mensagem do dia♥

"Sempre é preciso saber
quando uma etapa chega ao final.

Se insistirmos em permanecer nela
mais do que o tempo necessário,
perdemos a alegria
e o sentido
das outras etapas que precisamos viver.

Encerrando ciclos,
fechando portas,
terminando capítulos,
não importa o nome que damos.
O que importa é deixar no passado
os momentos da vida que já se acabaram.

Foi despedido do trabalho?
Terminou uma relação?
Deixou a casa dos pais?
Partiu para viver em outro país?
A amizade tão longamente cultivada
desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo
se perguntando por que isso aconteceu.
Pode dizer para si mesmo
que não dará mais um passo
enquanto não entender as razões
que levaram certas coisas,
que eram tão importantes e sólidas em sua vida,
serem subitamente transformadas em pó.

Mas tal atitude
será um desgaste imenso para todos:
seus pais, seu marido ou sua esposa,
seus amigos, seus filhos, sua irmã...
Todos estarão encerrando capítulos,
virando a folha,
seguindo adiante,
e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo
no presente e no passado,
nem mesmo quando tentamos
entender as coisas que acontecem conosco.

O que passou não voltará:
não podemos ser eternamente meninos,
adolescentes tardios,
filhos que se sentem culpados
ou rancorosos com os pais,
amantes que revivem
noite e dia
uma ligação com quem já foi embora
e não tem a menor intenção de voltar.

As coisas passam
e o melhor que fazemos
é deixar que elas realmente possam ir embora.

Por isso é tão importante
(por mais doloroso que seja!)
destruir recordações,
mudar de casa,
dar muitas coisas para orfanatos,
vender ou doar os livros que tem.

Tudo neste mundo visível
é uma manifestação do mundo invisível,
do que está acontecendo em nosso coração
e o desfazer-se de certas lembranças
significa também abrir espaço
para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora.
Soltar.
Desprender-se.
Ninguém está jogando
nesta vida com cartas marcadas.
Portanto, às vezes ganhamos e às vezes perdemos.

Não espere que devolvam algo,
não espere que reconheçam seu esforço,
que descubram seu gênio,
que entendam seu amor.

Pare de ligar sua televisão emocional
e assistir sempre ao mesmo programa,
que mostra como você sofreu com determinada perda:
isso o estará apenas envenenando
e nada mais.

Não há nada mais perigoso
que rompimentos amorosos que não são aceitos,
promessas de emprego
que não têm data marcada para começar,
decisões que sempre são adiadas
em nome do "momento ideal".

Antes de começar um capítulo novo
é preciso terminar o antigo:
diga a si mesmo que o que passou,
jamais voltará.

Lembre-se de que houve uma época
em que podia viver sem aquilo,
sem aquela pessoa...
Nada é insubstituível,
um hábito não é uma necessidade.

Pode parecer óbvio,
pode mesmo ser difícil,
mas é muito importante.

Encerrando ciclos.
Não por causa do orgulho,
por incapacidade, ou por soberba.
Mas porque simplesmente
aquilo já não se encaixa mais na sua vida.

Feche a porta,
mude o disco,
limpe a casa,
sacuda a poeira.

Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é."
Paulo Coelho

►Dia do professor?? Dia do desabafo...◄

        
       Olha, sou professora desde 1991. Entrei para a profissão em primeiro lugar por insistência de minha mãe na época (porque tinha feito o científico e ela queria que eu arrumasse um trabalho). Quando comecei a trabalhar, descobri que realmente gostava de lecionar e que não queria ser outra coisa, além de professora.
      Hoje, não sei se não me veria em outro lugar... trabalhando em outra função... Posso dizer honestamente que estou um pouco decepcionada com minha profissão por diversos motivos... E, por incrível que pareça, o salário não é o que mais me decepciona.
     15 de outubro foi dia do professor; e não tenho motivos para comemorar... Gostaria de fazer do dia do professor o dia do desabafo.
     Estou decepcionada porque não somos valorizados como profissão. Todos dizem que aquele que é professor é aquele  que não deu para nada ("não conseguiu fazer medicina, foi ser professor de biologia...."). Além disso, acha que termos duas férias por ano é puro luxo!!! 
      Estamos "a mercê" da sociedade, porque somos obrigados ( e somos mesmo, pelo Conselho Tutelar, pelo ECA- Estatuto da Criança e do adolescente, pelas bolsas(escola, família), pela inclusão...) a aguentar alunos dentro de sala que não querem estudar. Só vão para a escola para comer, brincar e bagunçar a sala; atrapalhando a nossa aula. E o que nos ratifica o direito de dar uma aula com paz e decência??? A Constituição? "Balela pura"! Além disso, ainda existem os pais desinteressados (que são a maioria) que não querem saber do aprendizado do filho, que não participam de nenhuma reunião, que não ajudam nas tarefas escolares, que só querem que o filho seja frequente para receber a bolsa escola (e outras bolsas...) e que quando são chamados à escola ficam com raiva, dizendo que estão perdendo o tempo deles e achando que os professores não tem o que fazer. Melhor: eles não são pais e mães; são apenas progenitores... 
      Fora a violência que entrou para as escolas. Trabalhamos com medo. Medo do que possa acontecer com a gente ou com nossos alunos.
     Diante de tudo que descrevi, acontece frequentemente as doenças profissionais: de voz, de esforço repetitivo, de stress, de depressão... E ainda acontece o seguinte: professor que adoece e/ou falta na escola é tido como mau profissional. Mesmo a sua empresa garantindo a sua falta, você corre o risco de no ano seguinte nenhum professor querer trabalhar c você, porque você falta demais...e eles vão ter que ficar na sala te substituindo, perdendo o horário de estudo ( horário em que fazem tudo, menos estudar). Então podemos dizer que sofremos bulling também: professores que excluem professores que faltam muito; professores que excluem professores que gostam de lecionar e fazem coisas diferentes com os alunos dentro e fora de sala (dizendo que " esses querem aparecer")... e por aí vai...
      E temos também a seguinte situação: a de professores que não dão aula. Entram para dar aula de Matemática por exemplo e levam os alunos para brincar na quadra. E ainda por cima não tem disciplina nenhuma em sala de aula... Quando o professor referência volta para dar a sua aula normal, ele fica mais ou menos uns 40 minutos para colocar uma certa ordem para lecionar... Digo que isso acontece comigo e com muitos professores. Mas a ética profissional faz com que eu não reclame desse sujeito; mas as autoridades competentes (coordenadores,pedagogos, vice-diretores e diretores) na hora da avaliação de desempenho não tem coragem de avaliá-los verdadeiramente. E assim eles continuam na escola e vamos aguentando e fazendo "vistas grossas". Quem trabalha, leva trabalho para casa; quem não trabalha, as pessoas protegem...
      E aí fica a pergunta que não cala: qual vai ser o futuro de quem já é professor e quem vai querer ser professor hoje em dia com baixos salários e altos problemas ????
     


domingo, 16 de outubro de 2011

↜ Mensagem da Semana - Homenagem e agradecimento à Nossa Senhora da Conceição Aparecida↝

"Santa Maria! Volve o teu olhar tão belo,
de lá dos altos céus, do teu trono sagrado,
para a prece fervente e para o amor singelo
que te oferta, da terra, o filho do pecado.

Se é manhã, meio-dia, ou sombrio poente,

meu hino em teu louvor tens ouvido, Maria!
Sê, pois, comigo, ó Mãe de Deus, eternamente,
quer no bem ou no mal, na dor ou na alegria!

No tempo que passou veloz, brilhante,

quando nunca nuvem qualquer meu céu escureceu,
temeste que me fosse a inconstância empolgando
e guiaste minha alma a ti, para o que é teu.

Hoje, que o temporal do Destino ao Passado

e sobre o meu Presente espessas sombras lança,
fulgure ao menos meu Futuro, iluminado
por ti, pelo que é teu, na mais doce esperança."

Edgar Allan Poe

sábado, 8 de outubro de 2011

∞ Pessoas: Roman Opalka ∞

     Roman Opalka era um polonês, que nasceu em 27 de agosto de 1931. Estudou Belas Artes e vivia na França. 
      O interessante é que Opalka começou a perseguir o infinito. O seu trabalho se baseava em pintar um processo de contagem, começando do um até chegar ao infinito. As telas eram chamadas por ele de "Detalhes" e tinham o mesmo tamanho da porta do seu estúdio em Varsóvia. O processo de pintar números começava no canto esquerdo superior da tela e acabava no canto direito inferior, em linhas horizontais. Cada tela começava da contagem onde a tela anterior parou.
      Opalka mudou um pouco seu ritual. Ele pintava números brancos sobre um fundo preto. Em 1968, ele mudou para o fundo cinza, porque dizia ser uma cor não simbólica. Além disso, nesse mesmo ano, Opalka introduziu um gravador de fita, falando cada número pintado e se fotografava depois do trabalho feito. Uma verdadeira obsessão da passagem do tempo.
      "Todo o meu trabalho é uma coisa única, a descrição do número um até o infinito. A única coisa, uma única vida. "
      Morreu esse ano, aos 6 de agosto de 2011, com 79 anos. O número final que ele escreveu era 5.607.249. 
      

     Posso dizer que o trabalho dele baseou-se no trauma que sofreu na juventude: o cárcere; de onde a única forma de sentir o tempo era uma fresta de luz. Seu sistema era uma forma de cárcere, prisão; porque durante toda a sua vida não quis se desviar do que se propôs a fazer: pintar uma sequência do tempo e tirar fotos diariamente suas (camisa branca num fundo branco). Opalka retrata sua degeneração, sua pequena morte diária. Como se aprisiona o infinito?? 
 ღ Fê ღ

☆ Mensagem da Semana ☆


"Por um lado, ter um inimigo é muito ruim. Perturba nossa paz mental e destrói algumas de nossas coisas boas. Mas, se vemos de outro ângulo, somente um inimigo nos dá a oportunidade de exercer a paciência. Ninguém mais do que ele nos concede a oportunidade para a tolerância. Já que não conhecemos a maioria dos cinco bilhões de seres humanos nesta terra, a maioria das pessoas também não nos dá a oportunidade de mostrar tolerância ou paciência. Somente essas pessoas que nós conhecemos e que nos criam problemas é que realmente nos dão uma boa chance de praticar a tolerância e a paciência."  
Dalai Lama

E vc, o que acha de um inimigo??
ღ Fê ღ

domingo, 18 de setembro de 2011

╰☆ ╮Mensagem da semana - Homenagem à sempre amiga Cristina Tupynambá╰☆ ╮

" Tenho razão de sentir saudade,
tenho razão de te acusar.
Houve um pacto implícito que rompeste
e sem te despedires foste embora.
Detonaste o pacto.
Detonaste a vida geral, a comum aquiescência
de viver e explorar os rumos de obscuridade
sem prazo sem consulta sem provocação
até o limite das folhas caídas na hora de cair.

Antecipaste a hora.

Teu ponteiro enlouqueceu, enlouquecendo nossas horas.
Que poderias ter feito de mais grave
do que o ato sem continuação, o ato em si,
o ato que não ousamos nem sabemos ousar
porque depois dele não há nada?

Tenho razão para sentir saudade de ti,

de nossa convivência em falas camaradas,
simples apertar de mãos, nem isso, voz
modulando sílabas conhecidas e banais
que eram sempre certeza e segurança.

Sim, tenho saudades.

Sim, acuso-te porque fizeste
o não previsto nas leis da amizade e da natureza
nem nos deixaste sequer o direito de indagar
porque o fizeste, porque te foste "

Carlos Drummond de Andrade

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

☆Mensagem da Semana☆


" Meu Deus, me dê a coragem de viver trezentos e sessenta e cinco dias e noites, todos vazios de Tua presença. Me dê a coragem de considerar esse vazio como uma plenitude. Faça com que eu seja a Tua amante humilde, entrelaçada a Ti em êxtase. Faça com que eu possa falar com este vazio tremendo e receber como resposta o amor materno que nutre e embala. Faça com que eu tenha a coragem de Te amar, sem odiar as Tuas ofensas à minha alma e ao meu corpo. Faça com que a solidão não me destrua. Faça com que minha solidão me sirva de companhia. Faça com que eu tenha a coragem de me enfrentar. Faça com que eu saiba ficar com o nada e mesmo assim me sentir como se estivesse plena de tudo. Receba em teus braços meu pecado de pensar."

Clarice Lispector


quarta-feira, 7 de setembro de 2011

|̲̅<̲̅Θ̲̅>̲̅| Civismo

   Resolvi, nesse 7 de setembro, dia da Independência do nosso país, escrever algo relativo ao que sinto em relação ao país em que vivo.O que vou escrever talvez não tenha nada a ver com a data em si, mas possa ter relação com justiça e valores, condições essas que considero importantes para que um país seja considerado uma nação (no sentido real da palavra) para aqueles que nele habitam.
   Na verdade, o que é Civismo e o que é ser Cívico?
   Civismo é a atitude que a pessoa tem em ser consciente e construtiva dentro da comunidade ou dentro do país em que ela vive. Não é somente conhecer os símbolos da pátria e cantar o hino nacional (com a mão no peito...). O civismo transcende a tais ações, pois nos obriga a ter condutas esclarecedoras no cumprimento de deveres e direitos.
   E para que o civismo seja cumprido, o Estado deve servir ao cidadão para que ele possa exercer o civismo. Então, podemos dizer que os dois estão intimamente ligados.
   Então, fico na dúvida... Como ser cívica e exercer o civismo, se não temos os  direitos respeitados e cumpridos?? A maioria da população não tem acesso a uma educação, moradia, segurança e alimentação adequadas;  são discriminados por raça, credo e gêneros; são submetidos a tratamentos desagradáveis ou até mesmo sofrem torturas... Além disso, não podemos questionar coisas erradas que percebemos em várias situações no nosso cotidiano, pois podemos ser perseguidos. Mas a maioria da população cumpre os seus deveres: votar, cumpre as leis (mesmo não concordando com algumas), paga impostos e taxas....
     O pior é que a verdade está mais a mostra do que nunca. Vemos o noticiário mostrando corrupção, roubos e atitudes erradas, não só da população, mas dos nossos governantes... Mas, mesmo sabendo da verdade, ela não vale nada para nós e está desprovida de sentido. E é aí que acontece a desmoralização do pensamento. Pra quê ser cívico e exercer o civismo se as "falcatruas" e o "jeitinho brasileiro" são mais fáceis  para alguns conseguirem seus objetivos? 
    O que acredito é que tudo é uma coisa só. O mundo exterior e o interior estão ligados. A verdade, justiça, harmonia, igualdade de direitos que tanto sonhamos só será realidade no mundo em que vivemos  se for experimentada no nosso cotidiano e dentro de nós, mesmo com todas as dificuldades.
Feliz dia da Independência!!

*Fê*







quinta-feira, 7 de julho de 2011

☞ Estamos sós e entregues....


A gente pensa que pior não vai ficar e....
Entrou em vigor no dia 05/07/2011 uma nova lei (12403/2011) aprovada pelo congresso nacional e sancionada pela presidente e pelo ministro da justiça, que faz com que a prisão em flagrante e preventiva aconteça em casos raríssimos (praticamente não aconteça), aumentando a impunidade no país. 
Trocando em miúdos, não se assuste se você encontrar andando no mesmo passeio que você o assaltante que entrou em sua casa, o réu- primário do cara que matou alguém da sua família , o ladrão que roubou seu carro, o infeliz que estava andando armado na rua, o louco do namorado que arrebentou a sua vizinha; já que, em crimes desse porte são cabíveis a conversão da prisão em uma das 9 medidas cautelares (ridículas e praticamente incapazes de averiguação), a saber:
  • comparecimento no fórum para justificar suas atividades;
  • proibição de frequentar alguns lugares;
  • afastamento de pessoas em questão;
  • proibição de sair da cidade onde mora;
  • se recolher em casa à noite;
  • monitoramento eletrônico (faz-me rir!);
  • internação em cliníca de tratamento (sem comentários...);
  • arbitramento de fiança;
  • suspensão de exercício de função pública (só para os pés-de-chinelo..).
Ainda para melhorar, os crimes que eram punidos com até 4 anos de prisão(portar armas de fogo, simples roubos ou interceptações, homicídio culposo no trânsito, corrupção de menores, formação de quadrilha, contrabando, quem armazena e transmite fotos pornográficas de crianças e outros crimes que cumprem esse período de tempo) podem ser pagas fianças que se inicia (pasmem!) com 1 salário mínimo !
Quer dizer que, se você ou alguém que vc conheça, tiver passado por alguma situação e colocado alguém na cadeia; se esse preso criminoso ainda estiver cumprindo pena de 4 anos, ele pode ser solto  e ainda te fazer uma visitinha... 
Um salário mínimo é o preço do seu carro roubado, da morte de um parente no trânsito, do assédio de seu sobrinho etc.
Infelizmente, essa lei quase não está sendo divulgada e percebo que a maioria da população não tem total (e às vezes nem parcial) conhecimento dela. Se vcs acham que estou exagerando, leiam a lei:

Chego a dizer que ninguém ficará preso com crimes que acontecem diariamente e afeta a maioria (classe média) da nossa sociedade. Fico com muito medo e insegurança do amanhã...


sábado, 16 de abril de 2011

... ♥Resultado do Primeiro Sorteio de uma coleção de livros de Shakeaspeare♥ ...

E o sortudo que vai receber uma linda coleção de bolso de Shakeaspeare é....
.
.
.
Matheus de Medeiros Paes, que mora em Alumínio, SP! Parabéns, Matheus... Você terá 2 dias para responder o meu email (contando de hoje)  para receber seu prêmio!
E quem não ganhou.... Obrigada pela participação e não fique triste, pois vocês terá mais sorteios rolando aqui!
Bjks
♥Fê


terça-feira, 5 de abril de 2011

... ♥Foto da Semana: Até quando??♥ ...

 Gente:
Gosto de ver as fotos que são premiadas por sua singularidade e beleza. Mas não poderia deixar de colocar essa fotografia (bem atual com a postagem da violência contra a mulher no Oriente Médio).
A fotografia choca pelo requinte de crueldade expressa. Trata-se da fotografia da afegã Bibi Aisha, 18 anos, mulher da província afegã de Oruzgan, que foi mutilada pelo marido que cortou-lhe o nariz e as orelhas por ela ter voltado para a família, depois de o acusar de maus tratos.
Essa foto foi tirada pela repórter da África do Sul Jodi Beiber e foi publicada na "Time" de agosto de 2010, acabando por vencer o Concurso Internacional World Press Photo em 2010.
Essa jovem teve o seu nariz refeito por cirurgia plástica nos EUA, depois de sair de onde morava resgatada por uma organização de apoio a mulheres que sofrem violência.
Essa foto choca, mas é a realidade que precisa sair de dentro das casas, não só de mulheres Afegãs...


♥Pessoas: Mahatma Gandhi♥

    Olá!
   Dentro do blog tem uma coluna chamada "Pessoas". Nela, coloco somente pessoas que fizeram diferenças em nossas vidas. Por isso mesmo, não podia deixar de colocar esse homem que foi um ícone da paz...
   Mohandas Karamshand Gandhi nasceu em Cathiawar, província de Bombaim, em 2 de outubro de 1869. Ficou noivo aos 8 anos e casou-se aos 12 anos. Aos 17 anos entrou para a Universidade de Alimedab, onde fez Direito (pasmem!)
    Foi devoto na luta contra a defesa da colônia indiana, a qual todos os direitos civis eram negados.
   Com os movimentos pacíficos que Ghandi participava, ele recebeu o título de de Mahatma que significa "Grande Alma ".
 Ghandi foi morto por um Brâmane hindu, que não aceitava o convívio pacífico entre muçulmanos e hindus.
   A mensagem de vida de Ghandi é mais atual do que nunca nesses dias difíceis e violentos: a pregação da não-violência.
   Analisando o que sabemos de Ghandi, podemos dizer que ele foi um homem muito coerente; pois suas ações confirmavam suas falas e tudo aquilo em que acreditava (coisa muito difícil de se encontrar hoje).
   Para Ghandi, a não-violência consistia em lutar sem derramar uma gota de sangue sequer. A forma de luta dele baseava em fazer com que as pessoas se conscientizassem das suas atitudes erradas através da humildade daquele que lutava. 
   Coisa muito difícil é levar desaforos para casa, não é mesmo??
''A verdadeira beleza, aquela que eu pretendo, está em fazer o bem em troca do mal."
Por isso Ghandi merece que outras pessoas o conheçam e o admirem!
Abraços!!

.

segunda-feira, 4 de abril de 2011

...♥Mensagem da Semana♥...

  Oi, pessoal!
  Estava querendo muito uma mensagem de Charles Chaplin, que gosto muito! Então, achei esse vídeo com esse lindo texto chamado "Quando me amei de verdade". Se delicie com ele:

  O que posso dizer é que estou aprendendo a me amar... De verdade!
E vc?? Já se ama de verdade??
Boa Reflexão!

♥Fê

... ♥Violência contra a mulher no Oriente Médio ♥ ...

   Uma mulher entrou em um hotel em que os jornalistas de outros países estavam e acusou Kadafi de mandar os seus Militares a estuprarem.... No fim das contas, os jornalistas da Líbia abafaram o assunto dizendo que a mesma era louca e dava ataques de esquizofrenia...E ela está sob "cuidados" de Kadafi. A ONG Avaaz está fazendo um abaixo assinado para livrá-la da tortura que está sofrendo. Se vc quiser assinar, acesse:
   A que ponto chegamos??? Sabemos que a mulher no Oriente Médio é tratada de forma agressiva e muitas vezes como um objeto sexual e até mesmo como um bicho!
   Se admire com os vídeos abaixo:
  • Manual do Islã para bater em mulher:
 
  •  Os tipos de mulheres e os tipos de surras:
E vc... O que pensa disso tudo??
 
♥Fê


domingo, 27 de março de 2011

♥Pessoas: Nelson Mandela♥

Olá! 
   Conheça mais um pouco sobre essa pessoa que mudou os rumos do preconceito racial: Nelson Mandela...
   Ainda estudante de Direito, Mandela começou sua luta contra o regime do apartheid. No ano de 1942, entrou efetivamente para a oposição, ingressando no Congresso Nacional Africano.
   Durante a década de 1950, Nelson Mandela foi um dos principais membros do movimento anti-apartheid. Participou da divulgação da “Carta da Liberdade”, elaborada em 1955.
   Sabemos que Mandela era favorável ao fim do regime racial de forma pacifista. Devido ao “O Massacre de Sharpeville", massacre esse que aconteceu dia 21 de março de 1950 devido a repudiação a uma das leis mais odiosas leis do apartheid, que  era a chamada “Lei do Passe” ( que obrigava os negros da África do Sul a usarem uma caderneta onde estava escrito onde eles podiam ir, (incluindo as mulheres também) sendo um meio eficiente para garantir a segregação e dificultar a organização política da população negra), Mandela interpretou que era o momento de passar de protestos pacíficos para uma ação armada contra o regime segregacionista.
   Em 1961, Mandela tornou-se comandante do braço armado do CNA. Passou a buscar ajuda financeira internacional para financiar a luta. Porém, em 1962, foi preso e condenado a cinco anos de prisão, por incentivo a greves e viagem ao exterior sem autorização. 
   Em 1964, Mandela foi julgado novamente e condenado a prisão perpétua por planejar ações armadas.
   Neste 26 anos, tornou-se o símbolo da luta anti-apartheid na África do Sul. Mesmo na prisão, conseguiu enviar cartas para organizar e incentivar a luta pelo fim da segregação racial no país. Neste período de prisão, recebeu apoio de vários segmentos sociais e governos do mundo todo.
    Com o aumento das pressões internacionais, o então presidente da África do Sul, Frederik de Klerk, solicitou a libertação de Nelson Mandela e a retirada da ilegalidade do CNA (Congresso Nacional Africano). Em 1993, Nelson Mandela e o presidente Frederik de Klerk dividiram o Prêmio Nobel da Paz, pelos esforços em acabar com a segregação racial na África do Sul.

    Em 1994, Mandela tornou-se o primeiro presidente negro da África do Sul. Governou o país até 1999, sendo responsável pelo fim do regime segregacionista no país e também pela reconciliação de grupos internos. 

    Com o fim do mandato de presidente, Mandela afastou-se da política dedicando-se a causas de várias organizações sociais em prol dos direito humanos. 
Já recebeu diversas homenagens e congratulações internacionais pelo reconhecimento de sua vida de luta pelos direitos sociais.
O que faz com que um homem lute por um ideal até hoje???

Vê-se que esse homem é um grande exemplo de determinação e fé... São desses tipos de pessoas que precisamos no mundo de hoje... É uma frase feita que não dá para não ser escrita....Por esse motivo que Nelson Mandela está na coluna "Pessoas" do meu blog... Ele merece!!
▧Abraços! ▨

♥Fê






...♥Mensagem da Semana♥...

 Reverência ao destino
"Falar é completamente fácil, quando se tem palavras em mente que expressem sua opinião.
Difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer, o quanto queremos dizer, antes que a pessoa se vá.

Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias.

Difícil é encontrar e refletir sobre os seus erros, ou tentar fazer diferente algo que já fez muito errado.

Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém, dizer o que ele deseja ouvir.

Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer sempre a verdade quando for preciso.
E com confiança no que diz.

Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre esta situação.

Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer ou ter coragem pra fazer.

Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado.

Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece, te respeita e te entende.
E é assim que perdemos pessoas especiais.

Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar.

Difícil é mentir para o nosso coração.

Fácil é ver o que queremos enxergar.

Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto.
Admitir que nos deixamos levar, mais uma vez, isso é difícil.

Fácil é dizer "oi" ou "como vai?"

Difícil é dizer "adeus", principalmente quando somos culpados pela partida de alguém de nossas vidas...

Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados.

Difícil é sentir a energia que é transmitida.
Aquela que toma conta do corpo como uma corrente elétrica quando tocamos a pessoa certa.

Fácil é querer ser amado.

Difícil é amar completamente só.
Amar de verdade, sem ter medo de viver, sem ter medo do depois. Amar e se entregar, e aprender a dar valor somente a quem te ama.

Fácil é ouvir a música que toca.

Difícil é ouvir a sua consciência, acenando o tempo todo, mostrando nossas escolhas erradas.

Fácil é ditar regras.

Difícil é seguí-las.
Ter a noção exata de nossas próprias vidas, ao invés de ter noção das vidas dos outros.

Fácil é perguntar o que deseja saber.

Difícil é estar preparado para escutar esta resposta ou querer entender a resposta.

Fácil é chorar ou sorrir quando der vontade.

Difícil é sorrir com vontade de chorar ou chorar de rir, de alegria.

Fácil é dar um beijo.

Difícil é entregar a alma, sinceramente, por inteiro.

Fácil é sair com várias pessoas ao longo da vida.

Difícil é entender que pouquíssimas delas vão te aceitar como você é e te fazer feliz por inteiro.

Fácil é ocupar um lugar na caderneta telefônica.

Difícil é ocupar o coração de alguém, saber que se é realmente amado.

Fácil é sonhar todas as noites.

Difícil é lutar por um sonho.

Eterno, é tudo aquilo que dura uma fração de segundo, mas com tamanha intensidade, que se petrifica, e nenhuma força jamais o resgata."
Carlos Drummond de Andrade

... ♥Ter ética ou não?? Eis a questão...♥ ...

Vejam só essa foto: um bebê Sudanês quase morto e um abutre esperando ele morrer para comê-lo...
Quem tirou essa foto foi o fotógrafo Kevin Carter, em 1993, no Sudão. 
Ele achou que não deveria interferir na realidade para ter a foto da sua vida.Carter não salvou a criança e fez a sua foto...E, como todos nós pagamos pelas nossas escolhas, Carter ganhou o prêmio "Pulitzer" com essa imagem; mas também foi tachado de "abutre" e se suicidou aos 33 anos... No fim das contas descobriu-se que o bebê tinha sobrevivido...
Deveria o fotojornalista ter apenas mostrado a realidade crua através da sua lente ou ter interferido nela quando a sua consciência assim o exigisse? Eis a questão...E vc, o que acha disso??
☊Beijokas☋



domingo, 13 de março de 2011

... ♥ Mensagem da semana ♥ ...

Gente: como estou sorteando no blog uma coleção de William Shakeaspeare, resolvi fazer a mensagem da semana com um poema dele:
"Eu aprendi...
...que ignorar os fatos não os altera;

Eu aprendi...
...que quando você planeja se nivelar com alguém, apenas esta permitindo que essa pessoa continue a magoar você;

Eu aprendi...
...que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas;

Eu aprendi...
...que ninguém é perfeito até que você se apaixone por essa pessoa;

Eu aprendi...
...que a vida é dura, mas eu sou mais ainda;

Eu aprendi...
...que as oportunidades nunca são perdidas; alguém vai aproveitar as que você perdeu.

Eu aprendi...
...que quando o ancoradouro se torna amargo a felicidade vai aportar em outro lugar;

Eu aprendi...
...que não posso escolher como me sinto, mas posso escolher o que fazer a respeito;

Eu aprendi...
...que todos querem viver no topo da montanha, mas toda felicidade e crescimento ocorre quando você esta escalando-a;

Eu aprendi...
...que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer."
William Shakeaspeare

Que vocês possam refletir nesse poema que diz sobre os aprendizados da vida...
▧Beijins...▨

♥Fê

terça-feira, 8 de março de 2011

... ♥Primeiro sorteio do blog - até 15/04/11♥ ...

Olá!
Como o meu blog é novinho, (nasceu agora!) nada melhor do que fazer um sorteio de estréia e presentear vocês...
E o presente é uma coleção de livros dos melhores de William Shakeaspeare.... Isso mesmo!! São 7 livros de Obras escolhidas:
  • "O rei Lear";
  • "Ricardo III";
  • "Sonho de uma noite de verão";
  • "Bem está o que bem acaba";
  • "A tempestade";
  • "Romeu e Julieta";
  • "Júlio César"
São livros de bolso e ainda vem com uma linda caixinha (Coleção de Luxo mesmo...)!!!
Quer participar?? Aqui vão as regrinhas...
  • Quaisquer ações feitas abaixo te darão direito a preencher o formulário AQUI;
  • Ser minha seguidora do blog "Impressões", clicando do lado direito no blog no item "Seguir"(não precisa ter blog...)
  • Preencher o item "Newsletter", colocando seu e-mail nele;
  • Ser meu seguidor no Twitter clicando @blogbazarbadu;
  • Divulgar no twitter, escrevendo uma frase à sua escolha;
  • Divulgar no facebook;
  • Divulgar no blog;
  • Então, vc terá no máximo 6 números para sorteio... e mais chances para ganhar!! 
  • O sorteio será feito no dia 16/04/11 e o resultado sairá dia 17/04/11 no blog;
  • A sortuda terá 2 dias para retornar ao meu email de contato; caso contrário será feito outro sorteio;
  • O sorteio terá validade somente para o Brasil e o frete é por minha conta!!
๑۩۩..Boa sorte!..۩۩๑
 
♥Fê


domingo, 6 de março de 2011

...♥Mensagem da Semana♥...

 "É fácil trocar as palavras,
Difícil é interpretar os silêncios!
É fácil caminhar lado a lado,
Difícil é saber como se encontrar!
É fácil beijar o rosto,
Difícil é chegar ao coração!
É fácil apertar as mãos,
Difícil é reter o calor!
É fácil sentir o amor,
Difícil é conter sua torrente!

Como é por dentro outra pessoa?

Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível,
Com que não há verdadeiro entendimento.

Nada sabemos da alma

Senão da nossa;
As dos outros são olhares,
São gestos, são palavras,
Com a suposição
De qualquer semelhança no fundo."
Façam uma reflexão sobre esse poema... Se quiser, me diga o que achou...
※Com carinho!

ღFê

... ♥Pessoas: Conheça "Zabé da Loca"♥ ...

   
Estava vendo "Globo Rural" e me deparei com uma dessas pessoas que estão nesse mundo exclusivamente para nos mostrar que para sermos felizes não precisamos de coisas materiais....
   O nome dessa senhora de 85 anos é Izabel. Mas o pessoal da Paraíba a chama de "Zabé da Loca", porque ela morava numa gruta (isso mesmo!).
Clique AQUI  para ver a entrevista que vi no Globo Rural e você vai se deliciar...
Veja e use para refletir sobre a importância de ser feliz e gostar das coisas simples da vida!!
♀Beijinhos! ♂

ღFê

sábado, 26 de fevereiro de 2011

... ♥ Mensagem da semana ♥ ...


"Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!"


Reflita sobre esse lindo poema durante essa semana que se inicia...
εїз Beijokas...εїз

♥Fê